PALAVRAS QUE TRANSFORMAM E CONSTROEM

Pare para pensar… Palavras são utilizadas para traduzir ideias, sentimentos… Sendo assim elas possuem um peso emocional, uma “carga”, e esta pode ser positiva ou negativa.

Como já sabemos palavras s “conjuntos de letras articulados que formam fonemas, sons representados por uma grafia para transmitir expressões e significados”.
Através delas formamos frases e nos comunicamos, e neurologicamente quando nos expressamos colocamos algumas “cargas”.

download (3)
Podemos ver isso e sentir nos lindos poemas, em que são descritos os mais nobres sentimentos e também de lindos lugares capazes de fazer com que nossa mente viaje e construa na imaginação o cenário que está sendo vivido ou idealizado através das palavras de outra pessoa, como os livros por exemplo.
Podemos fazer sorrir ou gargalhar formulando textos de cenas de humor, assim como podemos levar a melancolia com palavras que trazem relatos sofridos, podemos construir sendo portadores sempre de boas notícias e podemos destruir sendo portadores de ideias destrutivas…”
Como percebemos, claramente é verídico que a palavra tem poder…, ela carrega a carga de emoção e significados que nela colocamos e assim somos capazes de influenciar, de motivar e óbvio, influenciados também.
Por isso, temos a tendência de herdar alguns padrões emocionais das pessoas com as quais passamos mais tempo ao adotarmos uma parte de seu vocabulário habitual.

É importante perceber que as palavras modelam nossas convicções, gerando impacto sobre nossas atitudes. Ora se as palavras podem construir ou destruir, motivar ou desmotivar devemos ter consciência de que devemos selecionar nosso vocabulário e prestar atenção no sentimento que cada palavra gera em nós e nos outros, mas primeiramente em nós para não obter a pena de assumir um sofrer ou uma dor maior do que é real ou próprio do que se está vivendo.
f

Sei que não é fácil porque é necessário muito exercício diário e policiamento das próprias palavras, que muitas vezes utilizamos involuntariamente, quero dizer por hábito, tornam-se tão usuais e não percebemos se carregam “cargas” positivas ou negativas.

Mas quero que você perceba quais os sentimentos elas geram em você, vamos experimentar?
Perceba sua motivação e sentimentos, sensações quando eu digo:

- Desânimo, ansiedade, cansaço, tristeza, melancolia, peso, sufoco, rejeição, angústia, desespero, furioso, fracasso, estresse, decepção, depressão.

Agora perceba sua motivação e sentimentos quando eu digo:

- Alegria, beleza, ânimo, paixão, estimulante, fantástico, maravilhoso, excepcional, extraordinário, sensacional, arrebatador, esplêndido!

Sentiu? Existe mudança de sensação.

A ideia não é dizer o que não sente, mas sim diminuir a intensidade do sofrimento, por exemplo, quando repetimos ideias negativas, ativamos em nós o negativismo dessas cargas, então, por exemplo, trocar expressões como “estou furioso!” por “sinto-me contrariado”, ou “estou ansioso” por “estou na expectativa”, ou “me sinto rejeitado” por “me sinto mal compreendido” são alguns exemplos.

Perceba que não está deixando de expressar o que sente, mas a “carga” negativa é menor, diminuindo também o sofrimento e tornando a recuperação mais fácil e as palavras de cargas positivas podendo usá-las sem contra indicação.

bocaenergy

 

 Se estiver bem, diga que se sente estimulado, animado e a  carga positiva será ainda maior, enfatize seus bons  momentos tornando-os sensacionais, perceba que pessoas  que utilizam este vocabulário saem com mais facilidade das  zonas de desconforto ou fracasso de suas vidas.

 

 

 

 

Bom exercício!

Quero lhe lembrar de que os textos não substituem as sessões particulares de coaching.

Aguardo seu contato!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


*